Description

O Bom Filho é um extraordinário exemplo de como a narrativa audiovisual, para muitos adversária ferrenha do ato de leitura, pode ter uma influência construtiva na literatura: uma economia no uso das descrições das ações mais banais, como abrir uma porta e atravessar uma rua e se alimentar e se locomover, e uma expansão da prosa na descrição gráfica de momentos chocantes, que, no caso do ótimo romance de You-jeong Jeong, escritora sul-coreana, são atos violentos e assassinatos. 

E-Book (6)

Translated Books (22)

News from Abroad (85)

International Events (5)

Report/Texts (4)